Total de visualizações de página

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

SÃO FOFOS ESSES FOFINHOS!



Estou sempre afirmando que os homens são a segunda obra prima de Deus. A primeira são as mulheres sem dúvidas, por serem feitas depois deles, foram aperfeiçoadas em tudo. Mas hoje, quero falar de uma classe especial de homens: Os fora da forma física convencional. Esses têm um encanto especial! Diante do bom humor que eles demonstram, uma barriguinha não tem importância alguma. Geralmente não gostam de pegar sol e ficam branquinhos... E quem se importa com isso? Afinal pra que marquinhas? Eles tem consciência da forma física que exibem(em forma de bola, quadrado, retângulo, colchão, tamborete, tambor...), e por isso, não ficam se exibindo sem camisa por ai, com o peitoral de fora e nos deixando roxas de ciúmes. Aliás, homem “malhação-janela”(aqueles com uns dorsos maravilhosos sempre exposto para delírio da mulherada) geralmente não são cavalheiros, são egoístas e exibicionistas, além claro de quase fúteis.

Homens malhados e o IMC ideal são “ um pé no saco”, pois só falam de suplementos alimentares, calorias das barrinhas de cereal, gordura saturada do sanduiche, os malefícios da carne vermelha (picanha então um veneno!). Lasanha? Só se for de berinjela no lugar da divina massa... Saia com um desses pra ver! Vai comer folhas igual lagarta ou pra não exagerar uma salada com produtos integrais. Tem quem goste, mas sinceramente eu faço esse tipo de refeição em casa e nos dias úteis. Final de semana eu quero ser feliz e isso inclui pizzas e outras massas, carnes vermelhas, inclusive de porco com tutu a mineira. Uma galinhada e coca-cola, e não me venha com o veneno da light ou diet eu gosto é da engordiet.

Deu pra entender porque acho homens fofinhos tudo de bom né? Nem precisa pedir, eles te leva pra uma churrascaria quase a meia-noite e manda descer o rodízio! Isso inclui passar a noite toda sentindo mal pelo peso da carne que o estômago não consegue digerir direito... Mas quem importa? Os risos, a conversa divertida (ninguém fica divertido com fome), aquela cumplicidade no mastigar que até parece sincronizado... Tudo lindo! Há outros lugares para ir claro, mas com certeza, eles fogem(como eu) de restaurante especializado em comida francesa, pois aquele tiquinho de comida no prato afugenta o homem fofinho(e a mim também).

Aqueles homens que parece pão de queijo, fofinhos, gostosinhos, redondinhos e branquinhos, podem não ser padrão de beleza, mas que são excelentes são. Eles se superam em inteligência, em gentilezas, em carinhos, e com toda certeza em nada ficam a dever em encantos aos brutamontes(não que eu não goste. Eu gosto sim, acho lindo quando os músculos estão na dosagem certa, quando não há exagero), mas sinceramente, não é o essencial aos olhos. Olhos femininos sábios, enxergam o que é invisível, o que está nas entrelinhas, o que passa batido pelas menos experientes da vida.

     Homens fofinhos se desdobram em encantos, que a nós mulheres (sábias) faz toda diferença. Se são baixinhos, tem um humor nas alturas, geralmente tem alma tão transparente quanto sua pele, o sorriso vale por uma montanha de músculos definidos e o olhar deles geralmente é pura poesia, pois eles te veem com olhos líricos, e diante deles você se sente a mulher mais linda do mundo!

Agora me diz, homens fofos, não são umas fofuras mesmo? Claro, há controvérsias, mas é que essas ainda não experimentaram um verdadeiro pão de queijo, aquele feito com ingredientes genuínos ... Maravilhosos!


Marly Bastos

19 comentários:

  1. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    Adorei!
    Realmente!!!!
    Adoro gordinho tbm! =)

    ResponderExcluir
  2. Marly,
    Você está nos divertindo com essas crônicas espirituosas. Louve-se a sua facilidade de descrever os fatos como eles realmente são.
    Nunca conheci "um gordinho" baixo astral.
    São todos muito divertidos e excelente companhias.
    Pode até ser que alguns se escondam através dessa atitude divertida e gentil para compensar alguma frustração com o seu tipo físico. Mas, na verdade, eles levam a vida muito mais light.
    Beijocas.

    ResponderExcluir
  3. Hahahaahaha!
    Ótimo,Marly!
    Eles tem todo um diferencial mesmo,gosto também :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. KKKKKKKKKK

    Divertidíssimo seu texto, Marly, assim como os gordinhos.Eles realmente tem um humor ótimo.

    Acredito que poder comer a vontade sem se preocupar com a balança deixa qualquer um mais feliz...

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Legal demais, Marly. Obrigado pela parte que me toca. Tenho uma barriguinha de chopp e gosto muito dela. Só vigio para não passar da conta. Tenho meus cuidados. Concordo, a maioria(não todos,claro) dos homens másculos, são rudes, pouco gentis, não usam muito o cérebro e são egoístas. Além do mais, a gente tem que parar de se mirar em gente de tv, né? Valorizar mais o interior das pessoas. Beijos e obrigado pelo comentário da novela.

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkk Poetisa amei!beijos

    ResponderExcluir
  7. kkkkkkkkkkkkkkk.... ai ai Marly, tu me mata de rir, mulher!!

    mas sinceramente amiga, eu ainda prefiro ficar com o meio termo...
    não gosto de homem musculoso, primeiro por achar feio e segundo porque é muito verdade o que disse, o ego costuma inflar junto com os suplementos e bombas...
    mas gordinhos tbm não me atraem não....são engraçadinhos, mas não me dispertam nada além de riso...dai não rola né...

    prefiro os "normalzinhos" mesmo, daqueles que não malham, mas que se preocupam com a saúde e cuidam do corpo...

    gostos a parte, o texto ficou maravilhoso como sempre!!

    e da onde vc tirou aquela primeira foto, mulher?!parece uma lua cheia peluda com pés! aff

    beijão, queridona!!

    ResponderExcluir
  8. Tem selinho pra vc no meu Blog (:

    Beijoos!!

    http://pathyoliver.blogspot.com/2011/06/500-seguidores-yupiiii.html

    ResponderExcluir
  9. OBRIGADO PELA PARTE QUE ME TOCA: GORDINHO FELIZ. KKKKK
    BEIJOS AMIGA!

    ResponderExcluir
  10. Poxa Marly,
    Até queria ser um pouco mais gordinho pra me encaixar nessa sua homenagem tão bonita e tão bem humorada.
    A vida é tão curta, pra ficarmos nos prendendo a tentar manter um corpo "digno" de ser apreciado como se fosse uma obra de arte e que fosse durar eternamente, como uma pintura, uma música, um livro.
    O que realmente dura, são as nossas ações, gestos e momentos felizes, que o tempo não leva, e que vc descreveu com muita propriedade e bom humor.
    Beijo grande.

    ResponderExcluir
  11. Vc ta completamente redimida meu anjo!
    Seu texto ficou maravilhoso, e embora eu não me encaixe completamente me senti homenageado tb e todo orgulhoso de ter uma amiga que escreve tão bem.
    Beijo grande.

    ResponderExcluir
  12. Amei seu texto!!!!!

    tenho que mostrar pro meu marido...vai ficar super feliz...rsrsrsrsrsr

    adoro senso de humor....e vc está tão certa!!!!!

    deixo meu carinho e agradecimento pelas visitas...obrigada!

    Zil

    ResponderExcluir
  13. Com excecao do teu texto, que ficou supimpa, aquela primeira foto é assustadora!!! hahaha
    Miga, eles tem humor ótimo mesmo, acho até pra compensar, e o bom é que eles nao estao nem aí pra gordura.
    Eu sou como a Sam, nao prefiro nem o gordinho e nem o malhadinho, vou do normalzinho mesmo :)

    Beijo lindonona!

    ResponderExcluir
  14. Ohhhh... e eu que não tenho barriguinha?!
    Tou desgraçado!

    ResponderExcluir
  15. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk adorei. Você está coberta de rasão.
    Bjux

    ResponderExcluir
  16. Marly
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk... Nao tem outro jeito de comentar esse post, além de adorar a sua genialidade em constatar o que essas fofuras se recusam em aceitar.
    Adorei a ideia de nos encontrarmos pra darmos aquele abraço de urso. Vamos marcar!
    Bjkas com muito carinho!!

    ResponderExcluir
  17. Oi Marly, desculpe pela demora, é que estou correndo mais que um maratonista.rsrsrsrsrs
    Quer saber, esta postagem, era toda a definição,e a diferença, entre os meus clientes, com o tórax definido, e os clientes que parecem ter engolido uma jaca, quero dizer dos gordinhos!
    Até ontem, quando lí a sua postagem,cheguei a conclusão que me dou super bem, em termos pessoais e profissionais, com as gordinhas e os gordinhos.
    Eles parecem ser mais simpáticos e acolhedores,enquanto aqueles que tem forma trabalhada, em alguma academia da cidade, parecem ser mais "frios", em termos de relacionamentos.
    Parece que eles são tão vaidosos, a ponto de se privarem das coisas boas da vida, o que os torna em pessoas desalmadas.
    Imagine, como deve ser infeliz, uma pessoa que deixa de comer churrascos, pizzas, lazanhas, tomar chopps, sorvetes entre outras delicias, do cardapio humano, só para ficar com o corpinho bonitinho!
    Certa vez, recebi um e-mail, onde falava que estas pessoas que malham para atingir a "beleza" do corpo, na verdade elas estão acelerando a sua vida útil, pois este doutor falou que o coração ,não aguenta tantos esforços fisicos, feitos em academia.
    No final da matéria ele afirmou, que qualidade de vida é aproveitar as coisas boas da vida,respeitando o ritmo natural do nosso corpo, de que adianta ficar com o corpo bonito, forçando a natureza e o ritmo natural do nosso corpo e morrer antecipadamente!rsrsr
    Postagem agregadora e esclarecedora, beijos e abraços fraternos , NAMASTÊ!

    ResponderExcluir
  18. Olá, Marly!Ah, eu concordo plenamente!!! Não faz minha cabeça caras sarados e o homem que eu amo é maravilhoso sempre! Eu acharia muito chato estar com alguém que só pensasse em músculos e dieta, kkk! Um abraço!

    ResponderExcluir

Se leu-me até aqui, deixe uma palavreseadinha aqui [blogueiros adoram comentários rsrs]